Ifá

Conto africano

Em tempos antigos, na África, vivia um adivinho chamado Ifá, ele jogava seus búzios mágicos e desvendava o destino das pessoas que o consultavam.

Ele ajudava as pessoas a resolver todo tipo de problema, mas o que mais gostava de fazer era orientar as pessoas para se defenderem da Morte.

Um dia, a Morte, irritada com a intromissão de Ifá em seus negócios, decidiu acabar com ele.

A Morte não poderia levá-lo porque não era a sua hora. Então, ela se transformou em homem e veio à Terra para matá-lo.

Ifá, percebendo o perigo que estava correndo começou a fugir da Morte e na fuga ele andou por toda a África.

Um dia, quando a morte estava no seu encalço, ele pediu ajuda a uma mulher chamada Euá, que estava com seu tabuleiro na beira da praia vendendo os doces que fazia.

Euá falou:

– Venha, entre debaixo da minha saia e se esconda da Morte.

Ifá fez o que ela falou e quando a Morte passou perguntando por ele para Euá, ela falou:

– Vi um homem correndo, ele foi por ali.

A Morte foi embora e Ifá estava salvo.

Como retribuição pela ajuda, Ifá se ofereceu para jogar os búzios para Euá. Ela contou a ele que era casada há muito tempo, mas não conseguia engravidar e gostaria de saber se um dia teria filhos, porque ela queria muito.

Ifá jogou os búzios e falou a ela:

– Sim, Euá, você terá filhos e será muito feliz com eles.

Um ano depois Euá teve gêmeos, lindos e saudáveis.

***

Veja aqui a história Uapé, Vitória-Régia

Quer ganhar um e-book de histórias infantis? Clique aqui